Hora de “reiniciar a América”, “Estado por Estado”, determina Trump.

Donald Trump diz que reabertura do país será por etapas

Washington 

O presidente Donald Trump estimou, nesta quinta-feira, que já é hora de “reiniciar a América”, suspensa para conter a pandemia do novo coronavírus. O republicano esclareceu durante uma conferência de imprensa na Casa Branca que a reabertura do país aconteceria em etapas, “Estado por Estado” e com base em dados “verificáveis” para evitar uma nova onda de contaminações.

Trump recomenda que os estados dos EUA reiniciem a atividade e levantem as restrições ao coronavírus em três etapas, com base no declínio na propagação da epidemia, de acordo com um documento divulgado pela mídia americana na quinta-feira. O chefe de Estado não estabelece um cronograma preciso e deixa que os governadores estaduais adaptem o ritmo da “reabertura” da economia às situações locais, informa.

Três fases

O primeiro passo poderia ser dado quando um estado registra uma diminuição nos casos de Covid-19 por um período de 14 dias e seus hospitais não são mais sobrecarregados de pacientes. Isso permitiria que escolas fechadas continuassem fechadas, assim como bares, enquanto restaurantes e clubes esportivos poderiam reabrir sob certas condições.

Usar uma máscara de proteção em público seria “fortemente” aconselhado, no trabalho deveria permanecer a regra o máximo possível e as medidas de distanciamento social seriam mantidas. As pessoas mais vulneráveis ​​devem permanecer confinadas e as viagens não essenciais “minimizadas”. Ao mesmo tempo, as autoridades devem ser capazes de detectar casos em larga escala de coronavírus.

Se não houver “rebote” na epidemia, a segunda fase poderá começar, com a reabertura das escolas e a retomada das viagens. O levantamento de restrições e contenção, durante uma terceira fase, ocorreria quando a ausência de um ressurgimento da epidemia fosse confirmada.