Rick Scott conseguiu a reeleição na Flórida

Rick Scott conseguiu a reeleição na Flórida

Foto: Wiki Commons
Foto: Wiki Commons

O governador Rick Scott conseguiu a reeleição na Flórida, ao superar por margem mínima o democrata Charlie Crist, o que deixou um estado que pode ser fundamental na eleição presidencial de 2016 sob controle republicano.

Scott, um empresário milionário de 61 anos, recebeu 48,22% dos votos, contra 47,00% de Crist, um advogado de 58 anos que governou a Flórida entre 2007 e 2011 como republicano e tentou voltar ao cargo como democrata, segundo resultados preliminares das autoridades eleitorais do estado.

“É hora de deixar as divisões para trás e nos unirmos”, disse Scott, o segundo republicano a conquistar a reeleição na Flórida.

“Juntos avançaremos”, concedeu Crist, que durante a campanha fez duros ataques a Scott.

O governo da Flórida era um dos 36 do país com disputa eleitoral na terça-feira, que terminaram com uma grande vitória dos republicanos, que conquistaram a maioria no Congresso americano, o que deixa o presidente Barack Obama em posição delicada para seus últimos dois anos na Casa Branca.

Alguns governos mudaram de partido: os republicanos derrotaram os democratas em Maryland, Arkansas e Illinois, mas os democratas venceram na Pensilvânia, segundo projeções da imprensa.

O suspense na Flórida, onde o voto latino tem peso decisivo, prosseguiu até o fim. As pesquisas apontavam um empate técnico até o dia da votação.

Scott superou Crist por pouco mais de 70.000 votos.

A eleição era acompanhada por todo o país, já que a Flórida é considerada um estado aberto, ou seja, não é democrata nem republicano.

Ter um governador aliado pode ajudar os republicanos na eleição presidencial de 2016, que deve ser definida por estados como a Flórida.

Fonte: br.noticias.yahoo.com (AFP)