Pato rebate críticas: ‘Não posso aceitar que o time está acomodado’

Pato rebate críticas: ‘Não posso aceitar que o time está acomodado’

Convidado do Bem, Amigos!, atacante do Corinthians afirma que equipe, hoje sexta colocada, tem trabalhado forte, e acredita em uma melhor posição ao fim do Brasileiro

11jan2013---pato-nem-sequeApesar de o nome do Corinthians aparecer sempre entre os candidatos ao título brasileiro nos últimos anos, em 2013 as críticas têm aparecido com maior frequência. Para o comentarista e ex-jogador Caio Ribeiro, por exemplo, o time paulista é muito acomodado e “administra o 0 a 0 e se expõe pouco”. No “Bem, Amigos!” desta segunda-feira, o atacante Alexandre Pato rebateu a tese da acomodação.

– Eu entendo que a cobrança é feita, mas não posso aceitar que o time está acomodado, o nosso time luta, nosso time treina muito forte e trabalha bastante. O Tite pede muito o nosso trabalho, só que de vez em quando a bola não entra, não dá tudo certo, e tem jogos que a bola entra, como contra o Flamengo, em que eu estava sem ângulo – destacou Alexandre Pato.

O Corinthians foi derrotado por 2 a 1 no domingo pelo Goiás, no Pacaembu, e manteve a sexta posição do Brasileiro com 30 pontos, cinco a menos que o Atlético-PR, quarto e último colocado no G-4. Pato acredita que dias melhores estão por vir no Timão.

– Acho que o time tem trabalhado bastante, a sorte de vez em quando ajuda também, mas nós estamos trabalhando bastante, fazemos para o time e fazemos para o Tite, que pede muito. Tenho certeza de que até o final do ano a gente vai estar numa boa colocação.

As críticas ao Timão são fundamentadas. Com um ataque milionário formado por Pato, Guerreiro e Sheik, o setor ofensivo naufraga e é o segundo pior do Brasileiro. O Corinthians só fez mais gols do que o Náutico, lanterna da competição. Foram 20, mesmo número do São Paulo, ameaçado de rebaixamento. Todas as outras equipes marcaram mais vezes, e a grande maioria, para não dizer todas, tem jogadores mais baratos e menos badalados no ataque. Há, por exemplo, um abismo de diferença para o impressionante ataque do Cruzeiro, melhor do Brasileiro até agora. Foram 45 gols, mais do que o dobro do Timão. Mas há uma ressalva. Nenhum jogador do líder mineiro balançou as redes mais vezes do que Alexandre Pato. Contratado por R$ 40 milhões do Milan, o atacante já fez sete gols, praticamente um terço do total marcado pelo Corinthians na competição.

Também presente ao “Bem, Amigos”, Caio Ribeiro elogiou o atacante e disse esperar grandes atuações de Pato.

– Tem jogadores medianos que vivem grandes fases, tem jogadores acima da média que você espera mais e por isso a cobrança é um pouco maior. Isso serve para time e para jogador, e o Pato é um desses caras. Do Pato espero coisas diferentes porque ele tem muito potencial – afirmou.