Temporada de furacões está chegando: hora de se preparar, alerta meteorologia

Moradores da Flórida já devem se preparar para a temporada de furacões e obterem os suprimentos necessários

A “Semana de Preparação para Furacões” começou em 1º de maio e vai até 7 de maio, período em que as pessoas devem tomar as medidas necessárias para proteger a si mesmas e suas propriedades. O “Centro Nacional de Furacões” alerta a Flórida

Da Redação 

O Centro Nacional de Furacões (CNH) alerta a população da Central Flórida – e demais cidade do estado – que está chegando, agora é a hora de se preparar para a temporada de furacões no Atlântico está prestes a começar. Portanto, às pessoas que moram em áreas propensas a ciclones tropicais deve estar preparado, pois uma única tempestade pode mudar a vida de sua comunidade.

______continua após a publicidade_______

retaxes

O Serviço Nacional de Meteorologia (NWS) informou que a “Semana de Preparação para Furacões” começou em 1º de maio e vai até 7 de maio, período em que as pessoas devem tomar as medidas necessárias para proteger a si mesmas e suas propriedades.  

Durante esse período, todos precisam determinar o risco, desenvolver um plano de evacuação, preparar suprimentos, obter verificação de seguro, fortalecer sua casa, ajudar seus vizinhos e concluir seu plano por escrito.

Esses passos são importantes com a aproximação de um período crítico com mais uma temporada de furacões no Atlântico acima da média, com a possível formação de 19 tempestades, nove furacões e quatro deles de categoria maior com ventos superiores a 111 milhas por hora (178 km/h), de acordo com a “Colorado State University.”  

A temporada de furacões no Atlântico começa em 1º de junho e termina em 30 de novembro. O “Serviço Nacional de Meteorologia” disse que as ameaças de furacão podem variar, dependendo da área. Não são apenas aqueles ao longo da costa que podem sofrer impactos significativos à vida.  

“Se o local não for seguro, pense para onde você iria em caso de despejo e como chegaria lá. Você não precisa viajar centenas de quilômetros. Identifique uma pessoa, um parente ou amigo, que não resida em uma zona de evacuação ou casa insegura, e coordene com essa pessoa se ela pode usar sua residência como destino. Certifique-se de ter um plano para seus animais de estimação, pois a maioria dos abrigos não os aceita”, alerta a agência.  

Suprimentos necessários 

Em relação aos suprimentos, ter apenas o suficiente para atravessar o furacão não será suficiente – é imprescindível se para sobreviver ao que poderia ser um longo período de recuperação em sua área. Os moradores dever estar atentos quanto a eletricidade e a água, pois podem ficar sem energia por uma semana ou mais.  

“Tenha alimentos não perecíveis, água e remédios suficientes para cada membro de sua família por pelo menos três dias. Além disso, certifique-se de ter dinheiro, rádios a bateria, lanternas e uma manivela ou carregador solar para recarregar seu celular”, orienta o “CNH”.  

“Ligue para sua companhia de seguros ou agente e peça uma verificação de sua apólice para garantir que você tenha cobertura suficiente para reparar ou até mesmo substituir sua casa e lembre-se, as apólices de seguro de proprietário não incluem cobertura de inundação”, avisam meteorologistas.   

____________________publicidade___________________

seguro

seguro

anuncie