Orlando aposta em futebol para atrair mais brasileiros

Orlando aposta em futebol para atrair mais brasileiros

Marcos Peres, diretor de Comunicação do Orlando City
Marcos Peres, diretor de Comunicação do Orlando City

Como se não bastassem os parques mundialmente famosos, os shoppings, outlets e a hotelaria bem conceituada, Orlando aposta em mais uma alternativa para atrair o brasileiro. O Visit Orlando, órgão oficial do turismo da cidade norte-americana, traz para a 42ª Abav uma parceria com o time de futebol Orlando City, dono do passe do jogador Kaká.

A intenção é fazer pacotes em parceria com operadoras do Brasil para levar o turista ao estádio e, dessa maneira, aproveitar a paixão do brasileiro por futebol e juntar com a expertise do norte-americano em entretenimento.

“Para que isso aconteça, iremos muito além do jogo. Pretendemos levar o turista no estádio para comer bem, viver a atmosfera antes das partidas, fazer compras e um tour guiado, com possibilidade, inclusive, de ir ao gramado”, revela Marcos Peres, diretor de Comunicação do Orlando City. “O Kaká tem contrato de três anos conosco e começará a jogar pelo time em dezembro, além de outros brasileiros que fecharão com o time para a disputa da MLS, principal campeonato de futebol do país.”

Contudo, a presença brasileira não se restringe apenas aos atletas. O dono do time é o ex-proprietário da franquia de escola de idiomas Wise Up, Flávio Augusto da Silva. De acordo com Peres, turistas brasileiros terão tratamento especial nos jogos do Orlando City. “Funcionários falando em português, área reservada na arquibancada e um carinho diferente com os turistas daqui”, concluiu o ex-jornalista da Rede Globo e do Sportv.

A diretora de Comunicação do Visit Orlando, Denise Spiegel, também conta com o sucesso do Orlando City no Brasil. “Os brasileiros precisam saber melhor dos atrativos desse time: seu presidente é brasileiro, Kaká será a maior estrela do time e eles terão espaço especial no novo estádio”, afirmou, acrescentando que a nova casa do time fica pronta em 2016. “Quanto mais atrativo Orlando tem para o brasileiro, melhor, pois trata-se do mercado que mais cresce no destino.”

Fonte: panrotas.com.br