Embalixo estreia no mercado dos EUA com linha de sacos de Plástico Verde

Embalixo estreia no mercado dos EUA com linha de sacos de Plástico Verde

Marca Green Garbage Bags – Renewable é primeiro saco de lixo com matéria-prima renovável no país

176306_ext_arquivoA Braskem, líder mundial na produção de biopolímeros, e Embalixo apresentaram na NPE – Feira Internacional de Plástico, realizada em Orlando (EUA), o primeiro saco de lixo com matéria-prima renovável comercializado nos Estados Unidos. Elaborado com polietileno verde, a partir do etanol da cana-de-açúcar, o produto é o lançamento da marca Green Garbage Bags – Renewable no mercado internacional.

O item é composto pelo Plástico Verde, que se destaca por capturar CO2 em seu processo produtivo e conta com o auto destaque, que facilita o manuseio e a utilização dos sacos plásticos. Com tamanhos e adequados às medidas americanas, equivalentes ao de 50L e 100L nas medidas brasileiras, o produto está disponível em diversos supermercados norte-americanos. “Entraremos no maior mercado de sacos para lixo do mundo (EUA) com um artigo diferenciado, que mantém as propriedades técnicas e de qualidade das nossas linhas, e ainda valoriza aspecto do meio ambiente, levando às prateleiras uma alternativa de consumo sustentável”, declara Rafael Costa, diretor comercial da EMBALIXO.

Principal fabricante do segmento no Brasil, a Embalixo assinou contrato com a Braskem em 2011 para a produção de sacos com matéria-prima renovável.  Resultado da combinação de inovação, tecnologia e sustentabilidade, o Plástico Verde captura e fixa gás carbônico da atmosfera, colaborando para a redução da emissão dos gases causadores do efeito estufa. Este produto apresenta as mesmas características do polietileno tradicional e pode ser reciclado na cadeia já existente.

Sobre a Braskem

A Braskem é a maior produtora de resinas termoplásticas das Américas. Com 36 plantas industriais distribuídas pelo Brasil, Estados Unidos e Alemanha, a empresa produz anualmente mais de 16 milhões de toneladas de resinas termoplásticas e outros produtos petroquímicos. Maior produtora de biopolímeros do mundo, a Braskem tem capacidade para fabricar anualmente 200 mil toneladas de polietileno derivado de etanol de cana-de-açúcar.

Fonte: tribunahoje.com