Suprema Corte do Texas bloqueia ordem de restabelecimento do aborto no estado

Decisão da Suprema Corte do Texas em bloquear o restabelecimento do aborto gera protestos em todo estado

No Texas, a Suprema Corte bloqueou uma ordem de primeira instância de junho de 2020 que dizia que as clínicas poderiam continuar realizando abortos. Decisão gera polêmica

Da Redação – A questão do aborto tem sido um dos temas mais polêmicos e discutidos nos EUA no momento. No Texas, a Suprema Corte bloqueou uma ordem de primeira instância de junho de 2020 que dizia que as clínicas poderiam continuar realizando abortos. Não ficou claro se as clínicas no Texas que voltariam a atender pacientes esta semana suspenderiam os serviços. Uma audiência está marcada para o final deste mês.

Uma ordem de um juiz de Houston no entanto, garante a algumas clínicas a retomada temporária dos abortos após seis semanas de gravidez. Isso foi rapidamente seguido pelo procurador-geral do Texas, Ken Paxton, pedindo à Suprema Corte do estado, que tem novos juízes republicanos, para suspender temporariamente a ordem.

______continua após a publicidade_______

seguro

Clínicas no Texas pararam de realizar abortos no estado de quase 30 milhões de pessoas depois que a Suprema Corte dos EUA revogou na semana passada a “Roe v. Wade”, acabando com o direito constitucional ao aborto. O Texas tecnicamente deixou uma proibição do aborto nos livros nos últimos 50 anos,

Na Flórida, uma lei que proíbe o aborto após 15 semanas entrou em vigor na sexta feira, um dia depois de um julgamento por violação da constituição estadual e disse que uma ordem para bloquear temporariamente a lei seria emitida na próxima semana. Uma proibição pode ter implicações mais amplas no Sul, onde a Flórida tem acesso mais amplo ao procedimento de seus vizinhos.



____________________publicidade___________________

seguro

anuncie