Regras do mercado americano para investidores brasileiros

Regras do mercado americano para investidores brasileiros

O CEO Elton Oliveira, presidente do “Recomendo em USA – Business e Network” –, evidencia ética e comprometimento de empresas que agregam o grupo de empresários e empreendedores brasileiros

Edição de julho/2019 – p. 05 e 06

Regras do mercado americano para investidores brasileiros

Em entrevista ao “Jornal Nossa Gente”, o CEO Elton Oliveira, presidente do “Recomendo em USA – Business e Network” –, evidencia a ética e o comprometimento das empresas que agregam o grupo de empresários e empreendedores, que se reúne periodicamente para indicações de referências de negócios nos EUA. “O nosso objetivo é ter empresas qualificadas para desenvolver seus respectivos negócios nos Estados Unidos com consistência e visão de mercado. Empresários, ex-diretores de empresas no Brasil, que chegam para investir no país recebem ajuda do ‘Recomendo em USA’ para se estabelecerem no mercado americano. São empresas que, com as devidas adequações, se qualificam no país. Evidente que há fatores preponderantes para que todos possam crescer e se expandir no mercado americano”, informa Elton.

“São parceiros não competitivos, dispostos a crescer no mercado dos Estados Unidos, que trabalham com afinco e que se reúnem para trocar informações e até mesmo fechar negócios. O nosso objetivo tem sido o de combater o lema de que não se devem fazer negócios com brasileiros. Temos realizado palestras constantes, onde todos aprendem a trabalhar melhor em grupo. Assim tem sido o nosso empenho, com resultados muito positivos”, reforça o empresário.

Quanto ao desafio enfrentado pelo empresário e investidor brasileiro nos EUA, Elton foi enfático na questão: “entender a dinâmica do mercado americano é o grande desafio. No Brasil, tínhamos, por exemplo, uma babá, aqui, o custo para se manter uma babá é alto, então é preciso arregaçar as mangas e trabalhar em casa também. Estamos em um país capitalista e tudo tem custo alto, portanto, temos trabalhado muito mais. Para se construir uma história nos Estados Unidos é necessário entender o mecanismo americano. É preciso entender o business antes de investir. Muitos investidores não fazem pesquisa de mercado para saber o que falta. Há os que chegam querendo trabalhar com carros, na construção civil ou com imobiliária, sem entender do mercado”, alerta.

“Muitos chegam com a expectativa alta, apostando em ganhos, mas se esquecem de que os impostos e demais encargos são pagos em dólar. E se tiver que enviar dinheiro para o Brasil, compromete”, continua Elton. “São alertas imprescindíveis, a conscientização do mercado americano que evita resultados desastrosos e expectativa frustrante”.

Background check de empresas

Indagado sobre os procedimentos para o ingresso de empresas no “Recomendo em USA – Business e Network”, disse o presidente que é feito um background check, além de consultas com clientes e fornecedores para avaliar o desempenho no mercado. “Analisamos o perfil da pessoa. O empresário e o investidor que pleiteiam entrar para o nosso grupo não pode ser um elemento sugador, isso não funciona. Ele tem que se doar, e acompanhar os acontecimentos do mercado com interesse. Pesquisar as redes sociais pelo menos meia hora por dia. Funciona para quem quer se doar e crescer”, orienta.

Regras do mercado americano para investidores brasileiros

“Não recomendo que venha para o nosso grupo, empresários meticulosos, que querem enganar. Estamos em busca de pessoas sérias, idôneas. E não precisa ser empresa com muito tempo de mercado, e mesmo que esteja sendo aberta. É dado um prazo para que a empresa se regularize e se organize com seguro e licença, para que seja constituída”, acrescenta Elton.

“O brasileiro que investe no mercado precisa entender que o americano tem uma cultura diferente da nossa. O americano tem que ter total confiança antes que alguém frequente a casa dele, aqui a fidelidade funciona. Assim é no mercado de trabalho. É necessário ter ética, lealdade e comprometimento”, reforça o empresário.

“O trabalho do nosso grupo é indicar um advogado de imigração correto para cuidar dos trâmites legais de documentação, aplicação e outros encargos. Auxiliamos em todo o processo para a organização de uma empresa. Contamos um o auxílio de uma grande equipe, apta a dar todos os esclarecimentos necessários. As empresas de cada grupo são de segmentos diferenciados, ou seja, cada qual no seu ramo de atividades. Não temos em um grupo, por exemplo, duas empresas atuando no mesmo segmento. Outro detalhe, é proibido oferecer ou pedir qualquer tipo de comissionamento”, diz.

“As empresas que compõem o ‘Recomendo em USA’ terão acesso a toda rede, aumentando a rede de relacionamentos da empresa, se conectando com membros em Miami, fazendo negócios em Orlando. Tudo é feito de forma coordenada e que beneficie a todos”, incentiva o empresário.

Quanto a “Jornada Empreendedora 2019”, Elton Oliveira destacou o sucesso do evento, que contou com empresários de vários estados americanos, empresários vindos do Brasil, enaltecendo o maior encontro de empreendedores nos EUA. Ele destacou também a feira que acontecerá em 2020, em Orlando – de 14 a 17 de outubro – com ciclo de palestras, expositores e oportunidades de negócios para investidores brasileiros.

Fotos: Patricia Lannes

Serviço

Recomendo em USA

Fone: 407-906-1019

E-mail: contato@eurecomendoemusa.com