Prefeito de Orange County abre vacinação contra Covid-19 a pessoas com 40 anos ou mais

Foram disponibilizadas sete mil doses da vacina, no Centro de Convenções em Orange County

 

O Major Jerry Demings, prefeito de Orange County, reforçou que qualquer pessoa – acima dos 40 anos –, agora poderá obter a vacina, rompendo com a medida do governador Ron DeSantis, que atualmente permite apenas que pessoas com 50 ou mais sejam vacinadas

 

Da Redação

Foi uma segunda-feira tumultuada, no “Orange County Convention Center”, de Orange County, com a liberação de sete mil doses da vacina contra a Covid-19 a pessoas com 40 anos ou mais. Segundo autoridades locais, as doses liberadas para a manhã desta segunda-feira – até às 9h13 –, não foram o suficiente para tender a demanda de pessoas que compareceram para ser vacinadas.  Funcionários do Condado de Orange disseram que o Departamento de Saúde da Flórida, em Orange County, atingiu a capacidade máxima para consultas de vacinação, o que impossibilitou que todos fossem atendidos.

 

“Centro de Convenções”, segundo as autoridades de saúde, é o único lugar no momento onde pessoas com 40 anos ou mais podem tomar a vacina. O Major Jerry Demings, prefeito de Orange County, reforçou que qualquer pessoa – acima dos 40 anos –, agora poderá obter a vacina, rompendo com a medida do governador Ron DeSantis, que atualmente permite apenas que pessoas com 50 ou mais sejam vacinadas. “Não queremos demorar para reagir. Queremos ser proativos”, enfatiza.

Demings disse que tomou a decisão de reduzir a restrição de idade, após ver a demanda no local diminuir. Portanto, qualquer pessoa com 40 anos ou mais pode marcar consulta para tomar a vacina contra a Covid-19,  no “Orange County Convention Center”. E para ser vacinado é necessário ser residente da Flórida. Inclusive, o site do “Centro de Convenções” é o único que ficará disponível a essa faixa etária mais jovem. Todos os outros sites continuarão a atender aos requisitos do governador.

Jerry Demings, que notificou o estado dessa mudança, aposta na possibilidade de não haver qualquer resistência. “Acredito que no final das contas, o governador quer o melhor para os residentes da Flórida, e do Condado de Orange quer vacinar o máximo de pessoas o mais rápido possível. E de acordo com a oferta, e é isso que vamos fazer a fazer “, determina Demings.