Cuidados e alerta na higienização de empresas e residências evitando danos à saúde

Equipe “Construemax” treinada para higienização de empresas e residências na Central Flórida

 

CEO da “Construemax – Emergency Services”, Edson de Almeida Brito, alerta sobre a relevância no processo de higienização de empresas e residências em tempos de coronavírus, evitando danos à saúde. O cuidado com produtos de limpeza entre outras dicas essenciais

 

Da Redação

Em tempos de pandemia e higienização de empresas e residências – além de locais de visitação –, seguindo as normas de segurança e proteção contra o coronavírus, a “Construemax – Emergency Services”, empresa especializada em danos de restauração de emergência causados ​​por água, fogo, tempestades, fumaça e mofo, também atua na descontaminação de ambientes. Um trabalho minucioso, feito com produtos de higienização adequados, sob o comando de equipes altamente treinadas para despoluir superfícies e pontos de contaminação, garantindo resultados eficientes. Há mais de 10 anos de experiência em Orlando e na Central Flórida, a companhia é referência no mercado dos EUA.

Edson Almeida Brito – Em entrevista ao Site do “Nossa Gente”, o CEO da “Construemax”, Edson de Almeida Brito, o Edson III, alerta sobre a relevância no processo de higienização de ambientes, a forma correta com que o trabalho deve ser efetuado – quando na utilização de produtos para a higienização –, objetivando resultados que possam garantir a segurança do cliente e respectivos familiares. “As pessoas acreditam que o vírus pode morrer em três dias e que não seja necessária uma higienização adequada, feita por profissionais capacitados para o extermínio do vírus. E mesmo os desinfetantes utilizados em superfícies de contaminação, como portas, maçanetas, superfícies de mesa entre outros pontos de contato – seja em pisos ou paredes –, precisam da dosagem adequada ou não vai funcionar com eficácia. Tem de saber passar o produto, utilizando-se spray em todos os ambientes”, recomenda o empresário.

Frota em ação – “É preciso à quantidade necessária para que a superfície permaneça molhada, dificultando que vírus reaja. Evidente, conta nesse processo a experiência do profissional que entende do produto que está sendo aplicando, com isso, evitando os excessos que podem prejudicar a saúde das pessoas. Passar apenas um pano úmido sobre a superfície, não vai resolver. Não é assim que as coisas funcionam”, reforça Edson.

“O processo de higienização é minucioso, há um tempo certo para manter a superfície higienizada, o tempo adequado para que o produto aplicado atue com rigor e atinja a meta, higienizando o ambiente com segurança. Essa é a responsabilidade da nossa empresa na utilização de produtos de higienização. Os ambientes malcuidados e com limpeza precária tendem a ser foco de doenças respiratórias e alérgicas, além de ser fator de cansaço e desmotivação”, orienta Edson Brito.

Orlando e Tampa – Quanto ao desempenho da “Construemax” com o surto da Covid-19 que fechou parques e empresas em Orlando, disse Edson Brito que, “os nossos trabalhos seguem normalmente, com nossa frota de veículos atendendo toda a área da Flórida Central, incluindo Orlando e Tampa. Temos uma sede de última geração, onde tudo é restaurado, incluindo todo o conteúdo doméstico e móveis. Fornecemos canalização de emergência vinte quatro horas por dia, sete dias por semana, para parar a água, e reparamos e restauramos todos os danos causados pela água, incluindo a secagem de estruturas”, relata.

Quanto à proibição de voos vindos do Brasil com a medida assinada pelo presidente Donald Trump, Edson Brito, quando perguntado, disse ser uma situação “delicada”. “O Brasil está na contramão, mais os Estados Unidos não estão muito longe do índice de pessoas contaminadas com o coronavírus. A preocupação é com uma segunda onda de coronavírus, a exemplo do que aconteceu com a dengue. A população precisa entender o perigo e fazer a sua parte. Todos nós temos que contribuir com as autoridades de saúde”, comenta.

“O que Trump faz é baseado em dados do Brasil, que hoje tem um contingente preocupante de pessoas contaminadas – passa de 300 mil. E o brasileiro vem a Orlando para o turismo, e hoje não tem turismo, que será reaberto gradativamente, como vem acontecendo com o comércio. E é preciso respeitar as normas de um país, como respeitamos a casa dos outros. É assim que as coisas funcionam, são regras e as regras devem ser respeitadas”, finaliza o empresário.

Serviço

“Construemax” Orlando

Endereço: 325 N. Orange Blossom Trail
Orlando, Fl 32805

Telefone: (407) 472-1805

E-mail: help@construemax.com

“Construemax” Tampa

Endereço: 5474 Williams Rd
Tampa, Fl 33610

Telefone: (407) 472-1805