Brasileira recebe bolsa de estudo da “Foundation LAGRANT”, entre os 60 melhores alunos do país

A estudante Sarah Albuquerque é a primeira brasileira a receber bolsa de estudo da “LAGRANT”

 

Sarah Albuquerque, da “Western Connecticut State University”, é a primeira aluna de ascendência brasileira a receber bolsa nos 23 anos de história da “Foundation LAGRANT”, selecionada entre 60 alunos de graduação e pós-graduação em todo o país

 

Da Redação

A estudante brasileira Sarah Albuquerque, da “Western Connecticut State University”, foi agraciada com bolsa de estudos pela “Foundation LAGRANT” (TLF), a possibilitando cursar bacharelado em “Marketing Digital e Interativo” – passo importante em sua formação profissional. Ela é a primeira aluna de ascendência brasileira a receber bolsa nos 23 anos de história da Fundação, selecionada entre 60 alunos de graduação e pós-graduação em todo o país. Essa iniciativa celebra o 23º aniversário da TLF, sediada em Los Angeles, que oferece serviços na área educacional visando aumentar o número de minorias étnicas nas áreas de publicidade, marketing e relações públicas.

Sarah Albuquerque, assim como os outros bolsistas, participará de um programa virtual, incluindo a abertura das comemorações de aniversário da TLF, com participação do vice-presidente de comunicações empresariais da Nike, e membro do Conselho Executivo da TLF, KeJuan Wilkins. Haverá um workshop de desenvolvimento profissional com a “Procter & Gamble” e “Marina Maher Communications”.

Além de estudos de graduação, Sarah atua como estagiária de marketing na “iTech Solutions”, parte da “IBM Premier Business”. Ela também é tesoureira no Conselho Executivo do capítulo da “Associação Americana de Marketing” (AMA) na universidade.

“Como uma organização focada na diversidade, equidade e inclusão nas áreas de publicidade, marketing e relações públicas, estou entusiasmado com o fato de que os alunos selecionados como bolsistas esse ano sejam um reflexo das diferentes culturas latino-americanas, nem sempre representadas em nosso sector,” disse o presidente e CEO da TLF, Kim L. Hunter.

A fundação agradece o importantíssimo apoio dos membros do Conselho Executivo e doadores, cujas contribuições possibilitaram à TLF aumentar o número de bolsas de estudo pelo segundo ano consecutivo. A TLF presta  homenagens ao Presidente do Comitê Anfitrião, Damon Jones; diretor de comunicações da “P&G” – a Co-Presidente do Comitê Anfitrião, Marina Maher, CEO da “Marina Maher Communications”.

 

Colocação profissional

Desde sua formação em 1998, a “Foundation LAGRANT”  forneceu quase $3 milhões e 703 bolsas de estudo no intuito de fomentar a participação de minorias étnicas nas áreas de publicidade, marketing e relações públicas. A fundação também oferece serviços de colocação profissional para estudantes de graduação e pós-graduação em início de carreira e que representam as várias minorias étnicas servidas por ela.

 

Serviço

Para informações visitem: www.lagrantfoundation.org