Seus cães e o que eles não devem comer

voltar

JUN/13 – pág. 53

albun1 (116)Olá, pessoal! Vamos conversar um pouco sobre o que os cães não devem comer, pois muitos alimentos fazem mal a eles.
Sabemos bem o quão difícil é resistir àquela carinha de “pidão” na hora em que você se senta à mesa para as refeições. Porém, embora uma pequena guloseima, de vez em quando, não faça mal, deve-se restringir ao máximo dar-lhes alimentos diferentes daquilo que eles devem comer: uma alimentação saudável e adequada, isto é, ração de boa qualidade, água (à vontade) e alguns petiscos próprios para cães uma ou duas vezes por semana.
Alguns alimentos são tão danosos ao seu cão, que podem levá-lo à morte. Eis alguns:

  • Chocolate: nenhum animal deve comer chocolate. Sabe-se que esse alimento é uma tentação para nós, mas, para os animais, ele é extremamente venenoso, provocando sintomas como: sede anormal, muita agitação, batimento cardíaco irregular ou mais acelerado, vômitos, tremores e convulsões. O chocolate contém teobromina, substância que faz um grande estrago no sistema nervoso dos cãezinhos. Essa substância pode causar crises alérgicas gravíssimas. Dependendo do porte do animal e da quantidade ingerida desse alimento, seu cão pode entrar em coma e morrer.
  • Uvas e uvas passas: esses dois alimentos são proibidos para os cães porque afetam os rins. Se ingeridas, prestem atenção se seu cão fica letárgico, bebendo mais água, urinando mais e vomitando.
  • Pêssegos e ameixas: o caroço é o principal problema (se ingerido pode obstruir os intestinos), mas não o único. Pêssegos e ameixas podem causar intoxicação por cianeto.
  • Abacate: essa fruta contém uma toxina chamada persin, que causa danos ao coração do seu cãozinho. Fique atento ao seu cão se ele apresentar diarreia e vômitos.
  • Nozes de macadâmia: as nozes afetam o sistema nervoso e muscular. Causa aumento da temperatura corporal, tremores, fraqueza, letargia e vômitos.
  • Alho: esse alimento é extremamente prejudicial ao seu cão. O alho causa danos graves às células vermelhas, o que, por sua vez, gerará anemia, fraqueza, vômitos e urina avermelhada.
  • Massa de pão: a massa crua pode provocar envenenamento alcoólico num cão por causa da fermentação que ocorre no trato digestivo. Fiquem atentos se seu cão apresentar vomitos, diarreia, distensão abdominal, letargia, desorientação, falta de coordenação motora, dificuldades respiratórias, convulsões e tremores. Essa massa crua é tão danosa ao organismo do cão que pode levá-lo à coma.
  • Cebola: assim como o alho, a cebola também danifica as células vermelhas, provocando fraqueza, anemia, urina vermelha e vômitos.
  • Bebidas alcoólicas: nenhum animal de estimação deve ser exposto às bebidas alcoólicas, pois o álcool provoca danos ao sistema nervoso. Os principais sintomas da ingestão do álcool são: desorientação, letargia, falta de coordenação motora, diarreia, vômitos, dificuldades respiratórias, tremores, convulsões, até mesmo coma.
  • Pastilha elástica (mais conhecida como goma de mascar ou chiclete): esse alimento contém xilicol, substância muito perigosa para um cão quando ingerida. Ela estimula a secreção de insulina que baixa os níveis de açúcar no sangue. Como resultado, seu cão ficará sem coordenação motora, terá convulsões, icterícia, vômitos e diarreia.

Se você ama seu cão, tenha cuidados com alimentos deixados sobre a mesa. Lembre-se de que seu cão pode subir e comê-los sem você saber. Cuidado também com pedaços de alimentos que caem no chão, ao manipulá-los.
Quando resolvemos ter um animal de estimação, sabemos que devemos mudar alguns costumes que possuímos. Vale a pena? Vale demais… Um animal de estimação dá trabalho, despesas, no entanto, a alegria que ele traz ao nosso lar compensa tudo isso. Na verdade, um animal de estimação traz tanta coisa boa à nossa vida que o que damos a ele é pouco perto do que recebemos: beijos, carinho, fidelidade, amor incondicional.

Forte abraço para todos os leitores do Jornal Nossa Gente!

BethAssis-e1368818487885Beth Assis – da ONG S.O.S. Melhor Amigo