Turistas ou imigrantes? Naufrágio deixa 39 desaparecidos no litoral da Flórida

Barco virou no litoral da Flórida e Guarda Costeira continua buscas de 39 pessoas desaparecidas

O barco virou no litoral da Flórida, informou a Guarda Costeira. Até o momento, apenas um homem foi resgatado, mas 39 pessoas continuam desaparecidas. Não se sabe se são turistas ou imigrantes que tentavam entrar no país pelas Bahamas 

Da Redação 

Continuam as buscas pelas 39 pessoas que continuam desaparecidas no litoral da Flórida quando o barco virou. Ainda não se sabe a identidade dos integrantes da embarcação, no naufrágio que ocorreu em frente ao litoral da Flórida, no sudeste do país, informou na terça-feira a Guarda Costeira em nota. Segundo o documento, um homem que estava segurando na embarcação virada no oceano, cerca de 72 km a leste de Fort Pierce Inlet, no Atlântico, foi o único resgatado.  

______continua após a publicidade_______

retaxes

As autoridades dos EUA ainda não revelaram quem são as pessoas e os motivos do acidente que causou o desaparecimento de 39 pessoas. Imigrantes tentando chegar clandestinamente no país? Ainda não foi confirmado.

O indivíduo resgatado contou que o barco saiu de Bimini, nas Bahamas, na noite de sábado, com outras 39 pessoas a bordo e que um temporal causou o naufrágio. As autoridades suspeitam que se trata de um caso de tráfico humano. De acordo com o único sobrevivente conhecido até agora, nenhum dos náufragos usava colete salva-vidas.  

Vários barcos de patrulha e aeronaves estão rastreando uma área das Ilhas Bimini, a leste de Miami, até Fort Pierce Inlet, mais ao norte, informou a Guarda Costeira pelo Twitter.

As Bahamas, um arquipélago de 700 ilhas (39 delas habitadas) estão localizadas 80 km a sudeste da costa da Flórida, perto da Jamaica, Cuba e Haiti. O país costuma ser um ponto de trânsito para imigrantes que querem chegar aos EUA, arriscando suas vidas em uma perigosa viagem marítima 

____________________publicidade___________________

seguro

seguro

anuncie