Elsa se intensifica no Atlântico e está a caminho da Flórida, segundo meteorologistas

Tempestade Elsa se aproxima da costa sudoeste da Flórida, informa o “National Hurricane Center”

 

Segundo o “National Hurricane Center” (NHC), a tempestade Elsa que se formou na manhã de quinta-feira, estaria perto da costa sudoeste da Flórida na terça-feira de manhã, e o cone de sua previsão inclui até o centro do estado

 

Da Redação

Elsa, a quinta tempestade da temporada de furacões no Atlântico, se intensificou nesta quinta-feira ao passar por águas quentes. O sul da Flórida está no caminho da tempestade, enquanto algumas partes das Índias Ocidentais estão em alerta. Estas informações foram divulgadas na manhã desta sexta-feira pelos meteorologistas do  “National Hurricane Center” (NHC).

O sistema tropical, que estabeleceu um recorde como a quinta tempestade nomeada a se formar no início de julho, tem ventos máximos sustentados de 75 km / h e deve passar perto das Índias Ocidentais nesta sexta-feira antes de se mover para o leste de mar do Caribe.

Segundo o “NHC”, a tempestade, que se formou na manhã de quinta-feira, estaria perto da costa sudoeste da Flórida na terça-feira de manhã, e o cone de sua previsão inclui até o centro do estado, de acordo com projeções de computador da “NHC”. Elsa estará perto da costa sul de Hispaniola neste sábado e, no dia seguinte, ao lado de áreas do leste de Cuba.

“O sul da Flórida e as Chaves estão no centro das preocupações, mas é muito cedo para dizer se teremos um impacto significativo”, disse o meteorologista da NBC6 John Morales.

Sua previsão de vento de tempestade tropical é de 23% para Key West, 21% para Marathon, 15% para Naples, 12% para Fort Lauderdale, 9% para Homestead, 8% para Miami e a mesma porcentagem para Fort Myers, com base no boletim informativo às 5h00 de quinta-feira.

Um alerta de tempestade tropical foi emitido para Barbados, Martinica, Santa Lúcia, Granada e São Vicente e Granadinas. E um alerta de tempestade tropical está em vigor nas costas sul e oeste do Haiti, desde a fronteira sul com a República Dominicana até Le Mole le St. Nicholas. Os habitantes de Porto Rico, Ilhas Virgens e Jamaica devem estar cientes do sistema e é provável que mais alertas e avisos sejam emitidos, informou o “NHC”.