Retomada do turismo em novembro acelera corrida de brasileiros para renovar o visto

Consulado dos EUA no Brasil retoma o atendimento à brasileiros na renovação de visto

 

Brasileiros com vistos expirados buscam os Consulados dos EUA para agendar entrevista de renovação, visando passar as festas de fim de ano em Orlando e Nova York – os destinos mais procurados. A liberação de entrada de estrangeiros nos EUA a partir de novembro, anunciada pela Casa Branca, marca a volta do turismo com a retomada de rotas de viagens  

 

Da Redação

A liberação de estrangeiros vacinados para entrar nos EUA a partir de novembro, traz uma nova perspectiva para o turismo no país, com a volta de voos e rotas de viagens que serão retomadas pelas companhias aéreas e agentes de viagem. Segundo anúncio da Casa Branca, ficou definido que todos os cidadãos adultos não americanos apresentem um registro de vacinação e resultados negativos do teste Covid-19 para entrar no país, como parte de um novo conjunto de regras anunciado para viagens aéreas internacionais. 

Famílias brasileiras já se movimentam para retomar a viagem dos sonhos à Disney, por exemplo, desde o anúncio da liberação de entrada de estrangeiros nos EUA. É o recomeço do turismo, após um período de quase dois anos em compasso de espera devido à pandemia. Brasileiros – assim como demais cidadãos estrangeiros –, que estão com seus respectivos vistos expirados, correm às agências de viagens para agendar entrevistas de renovação nos Consulados dos EUA – Brasília, São Paulo, Rio de Janeiro e Recife. 

Destinos como Orlando e Nova York, os mais procurados pelos brasileiros, entram na rota de atenção de agentes de turismo e, certamente, as companhias aéreas terão muito trabalho daqui para frente para se reorganizarem – reativar rotas de viagem para atender a demanda de viajantes. As festas de fim de ano nos EUA começam a ser planejadas pelos brasileiros.

O coordenador de resposta ao coronavírus da Casa Branca, Jeff Zients, reiterou que as novas regras, que permitirão a entrada de pessoas de países atualmente impedidos de entrar nos EUA, estarão em vigor no início de novembro – reascendendo a esperança do turista brasileiro de voltar às compras e passeios em Orlando e Nova York, os pontos mais procurados. 

O governo Biden demorou meses a atualizar suas restrições a viagens internacionais, citando o aumento de casos de coronavírus durante o verão, apesar da crescente oposição de grupos de viagens e funcionários do governo.  

As restrições de viagens em vigor desde o ano passado impediram a maioria dos familiares, turistas e viajantes de negócios de países impedidos de visitar os EUA, embora os países afetados tenham aberto suas fronteiras para americanos que viajam para o exterior. 

Os americanos que viajam para o exterior também devem apresentar resultados negativos do teste Covid-19 às companhias aéreas no período de três dias antes de seu voo de volta aos EUA. 

 

Serviço

Atenção, os melhores pacotes de viagem para os EUA você encontra no Guia de Orlando Viagens.

Compre direto nos EUA. Clique aqui para acessar.