Proteja sua identidade quando estiver comprando uma casa

Proteja sua identidade quando estiver comprando uma casa

Edição de fevereiro/2018 – p. 29

Infelizmente, precisamos alertar que a tecnologia está muito avançada, mas nem sempre ela é usada somente para o bem. Isso também vale para quando se está comprando um imóvel. Bandidos estão aplicando golpes sofisticados para roubar a identidade e o dinheiro da entrada da compra do imóvel de alguns compradores. Para sua proteção, considere as seguintes sugestões:

  • instale bloqueador de vírus no seu computador para invalidar ataques on-line;
  • crie senhas fortes para o computador e aparelhos smart e troque-as com frequência;
  • acrescente um software que trava o computador quando ele não estiver sendo usado. Esse dispositivo vai requerer uma senha para abri-lo novamente;
  • nunca acesse ou envie informações financeiras pessoais quando estiver usando Wi-Fi público;
  • procure recomendações antes de escolher uma instituição financeira para o empréstimo. E nunca envie informações confidenciais sem antes conhecer a pessoa encarregada de auxiliar no andamento do processo desse empréstimo;
  • nunca abra e-mail ou anexo de e-mail suspeito – mesmo que pareça vir de sua instituição financeira ou corretor. Na dúvida, verifique se realmente foram eles que remeteram o referido e-mail;
  • seja cauteloso se postar qualquer informação de compra em mídia social, os golpistas estão sempre em busca deste tipo de informação;
  • nunca envie informações confidenciais ou documentos por e-mail, entregue-os de uma forma segura ou leve-os pessoalmente. Use uma plataforma segura, criptografada para compartilhar documentos;
  • pergunte a todos os envolvidos no processo de compra e que tenham acesso às informações confidenciais como elas serão salvas ou eliminadas ao término de todo o processo. Informe-se se serão guardadas em local seguro ou “picadas” por máquinas próprias;
  • trabalhe somente com instituições financeiras que exigem dois controles na transferência monetária. Nenhuma transferência deve ser autorizada sem que dois funcionários independentes autorizem-na;
  • nunca transfira valores antes de verificar com fonte segura para confirmar se toda a informação da mesma está correta.

Essas dicas servem para que você não seja mais uma vítima de crimes cibernéticos.
Boa compra da sua casa nova!