Intercâmbio educacional na era da globalização

Intercâmbio educacional na era da globalização

voltar

FEV/2016 – pág. 18 e 19

A “Florida Christian University” interage com estudantes de 54 países, através do ensino online e on time, com cursos de especialização, mestrado e doutorado. O Professor Anthony B. Portigliatti – presidente da universidade -, ressalta o crescimento e importância do intercâmbio, e fala de um novo projeto voltado à Terceira Idade

DSC_2746

Com a globalização e o avanço na comunicação entre os países, à interatividade vem predominando, em diversificados segmentos do mercado de trabalho, fortalecendo propósitos, a exemplo da Educação, fator primordial no intercâmbio entre os povos. A “Florida Christian University”, uma das principais universidades de Orlando, realiza esse trabalho interativo – implementado em 1.999 -, com estudantes de 54 países, através do ensino online e on time, permitindo que jovens e adultos possam concluir mestrado e cursos de especialização, sem quaisquer barreiras, sob a orientação de um renomado corpo docente. É o passo no futuro, abrindo horizontes e criando possibilidades na transformação profissional. Anualmente, a “Florida Christian University” realiza um encontro apoteótico, com palestras de altíssimo nível e a outorga de certificação aos alunos que concluíram seus respectivos cursos. Uma festa memorável, que denota o potencial na qualidade de ensino da instituição.

O presidente e chanceler da “Florida Christian University”, o Professor Anthony B. Portigliatti, recebeu a equipe do “Jornal Nossa Gente” na universidade, relatando o crescimento do estudo online, consolidando o sucesso de um projeto vitorioso. “Implementamos com sucesso um sistema online e on time de aulas, e já atingimos cinquenta e quatro países. Por exemplo, vamos receber um professor de ´Gestão de Saúde´ na universidade que irá interagir, simultaneamente, com alunos no Paraguai, na Argentina, na Bolívia, no Brasil e no México. Todos vão acompanhar essa aula sobre gestão de saúde. Essa forma de ensino é uma tendência global. No Brasil, no Nordeste, temos mil e trezentos e sessenta estudantes. Todos anos temos os eventos de business em Orlando, com renomados palestrantes. É um mecanismo para conectarmos com as pessoas que estão fora do país”, informa.

E segundo Portigliatti, o “Life Coaching” está entre os cursos mais requisitados entre os estudantes no mundo. O “Coaching” orienta para a vida pessoal, aspectos como relacionamentos, planejamento, motivação, comunicação, família, autodesenvolvimento e alcance de metas. “Para nós, tem sido uma surpresa o número de alunos que buscam o ´Coaching´. É uma revolução”, enfatiza. “Temos também a parte ministerial, para quem gosta de teologia, além do Trabalho Social”, complementa.

“A ´Florida Christian University´ tem uma característica maravilhosa. Não competimos com as grandes universidades dos Estados Unidos. Somos uma universidade alternativa”, explica Portigliatti. “Eu pergunto ao aluno que pretende estudar conosco, se ele tem documentos, se fala o inglês perfeito, se tem dinheiro e tempo para os estudos. E se a resposta for positiva, o aconselho estudar na ´Columbia University´, ou em ´Harvard´, ou em outra universidade. Aqui é para quem quer uma transformação profissional, que deseja crescer com convicção, pagando um preço bem menor. Dispomos de cursos em vários idiomas. Outro detalhe: a parte imigratória não nos toca. A primeira coisa que precisa saber é que você é você, isso basta. E o aluno em outro país pode vir participar do nosso evento final, quando na conclusão do curso, que é uma festa maravilhosa, com a presença de profissionais de educação de altíssimo nível. Temos pós-graduação, mestrado e doutorado. O aluno receberá diploma americano, com reconhecimento do Estado. O nosso diferencial é que temos fundamento cristão. É imprescindível lembrar que não temos full crédito, somos independentes”, enfatiza.

“Temos cinquenta e nove estudantes que estão fazendo doutorado e que são da FGV (Fundação Getúlio Vargas), uma respeitada universidade do Brasil, que reconhece o nosso diploma”, acrescenta o Professor Anthony. “Os brasileiros que estão em Orlando deveriam aproveitar essa oportunidade de aprimoramento em suas respectivas carreiras e estudar. Ele perde a oportunidade de se aprimorar. Temos pessoas que estudaram conosco e hoje estão dando aulas, se potencializaram para o mercado de trabalho. A chance de se aprimorar depende apenas da vontade de crescer e seguir em frente”, alerta.

Falando o português com total desenvoltura – ele é italiano -, o Professor Anthony B. Portigliatti é casado com a brasileira, doutora Fernanda Portigliatti, motivo pelo qual expressa o idioma sem dificuldades. “Quando estive no Brasil, queria muito aprender o português. Eu estava prestes e entrar numa escola, mas um amigo me aconselhou a namorar uma brasileira, que seria o jeito mais prático de aprender. Levei muito a sério o que ele me disse, quando então conheci a Fernanda, a minha esposa, e estamos casados há trinta anos. Na verdade são trinta e cinco anos juntos, contando os cinco anos de namoro”, ressalta com entusiasmo. “A Fernanda é de Jundiaí, interior de São Paulo”.

Indagado sobre a responsabilidade de acumular tarefas, seja no comando da “Florida Christian University”, entre outras inúmeras obrigações, explicou Portigliatti o seguinte: “algumas pessoas vendem pão, outras vendem padarias. Alguns são de varejo e outros são de atacado, entretanto, quando você raciocina e tem formação na área de administração, quando você é apaixonado por educação, a dinâmica é imprescindível. Eu não gosto de focar em uma única coisa, isso me deixa travado, é como ter uma tartaruga em mãos. Agora, se você me der dez coelhos, eu me divirto mais (sorri). Cada um tem uma característica, uma forma de administrar. E quando você desenvolve a capacidade de administrar, você pode administrar qualquer coisa, de qualquer tamanho e com quantas pessoas forem. Temos uma ferramenta importantíssima que ajuda no autoconhecimento, no perfil de personalidade. E depois que você adquire o autoconhecimento, o que você imaginar será capaz de administrar”, garante o professor.

“Tinha um velho e um jovem pescando, eles não se conheciam, mas estavam se vendo. O velho joga a isca e fisga um peixe enorme. Ele pega o peixe, tira o anzol e joga o peixe na água, extremamente irritado. O jovem observa a cena, surpreso com a reação do velho. O rapaz quase deixou de pescar, observando o velho. Segundo depois, o velho joga o anzol na água e pesca um peixe pequeno. Ele fica feliz e guarda o pequeno peixe na geladeira. O rapaz se levanta indignado e vai falar com o velho. Queria saber o que estava acontecendo. O jovem pergunta ao velho se o peixe que pescava era para ele comer, o velho respondeu que sim. Então o rapaz indaga: por que o peixe grande o senhor joga fora e o peixe pequeno o senhor guarda? O velho olha para o jovem e responde: é simples, a minha frigideira é pequena”, conta Anthony. “E eu pergunto a você que está lendo essa reportagem, qual o tamanho da sua frigideira? Se a sua frigideira for grande, você vai realizar coisas grandes, importantes, terá uma empresa de seguros, terá um programa de televisão. Agora, se a sua frigideira for pequena, você vai administrar uma coisa só. Todos nós temos a capacidade de ter uma frigideira maior. Isso não é privilégio. A nossa universidade tem ferramentas para você ampliar a sua frigideira e adquirir mais conteúdo, não importa a sua idade. Somos especialistas nisso. Sempre há tempo para todas as coisas”, incentiva.

Projeto para a Terceira Idade

Paralelo ao projeto educacional da “Florida Christian University”, o Professor Anthony B. Portigliatti destacou o novo empreendimento que está administrando, voltado às pessoas da Terceira Idade, o “Excellence Assisted Living Facility”, em Orlando, que iniciou atividades em novembro de 2015, permitindo que os hóspedes recebam total assistência. “É um hotel cinco estrelas, com cento e trinta e um apartamentos, dispondo de todo o aparato médico, além de atividades nas áreas de informática, música, dança, ginástica e palestras”, destaca. “Os hóspedes têm roupa lavada, alimentação, acompanhamento de enfermeiros, sem preocupação alguma durante a sua estadia”, destaca. “É um método diferente de um hotel convencional, pois o apartamento pode ser alugado pelo tempo que o usuário necessitar. É importante ressaltar que não vendemos os apartamentos”, avisa.

alf2-900

Quanto ao custo de permanência do idoso no “Excellence Assisted Living Facility”, disse Portigliatti que há uma tabela de preços. “Os preços variam entre dois mil e cem dólares, até dois mil e novecentos dólares, depende do apartamento, ou se o apartamento será dividido com outra pessoa ou se o idoso vai ficar sozinho. E mesmo que o idoso tenha algum problema de saúde, dispomos de oitenta e cinco profissionais – entre médicos, enfermeiros e instrutores -, capacitados para os devidos cuidados. Os familiares não precisam se preocupar, pois cuidamos de tudo. Futuramente teremos outras unidades do ´Excellence Assisted Living Facility´ na Flórida”, informa.

“Gostaria de ressaltar que há um diferencial no ´Excellence´ e que não se trata de um depósito de idosos, mas uma moradia de incentivo a essas pessoas. Vamos motivá-las para novas conquistas, ainda que se tenha setenta anos de idade ou mais. E um dos segredos de nosso trabalho, junto às pessoas que estejam hospedadas no ´Excellence´, é motivação e transformação. Excesso de passado traz depressão e excesso de futuro traz ansiedade. A nossa meta é que esses idosos não vivam só de passado porque essa é a base da depressão. E quando você vive do passado, você deixa de produzir. O ´Excellence´ foi criado para tirar as pessoas desse processo depressivo, proporcionando qualidade de vida. Elas podem se divertir, podem sonhar e planejar coisas. O segredo para tirar uma pessoa da terceira idade do estado depressivo é dar a ela mecanismos para reconhecer o seu valor”, reforça Portigliatti.

“Temos o caso do senhor Marcio Alves Cruz, psicólogo, que está completando oitenta anos. Ele fez mestrado e doutorado na nossa universidade e hoje trabalha com a terceira idade e está escrevendo um livro, falando da mudança de vida que ele teve. A sua esposa, Carmem, foi uma das incentivadoras para essa mudança. Um senhor produtivo, que se veste muito bem, magrinho e muito bem cuidado. Uma história de vida apaixonante”, relata o Professor Anthony. “A opção de crescer e se transformar é nossa. Têm pessoas que pararam no tempo, deixaram de produzir. E tem mais: eu sempre tenho tempo para as pessoas. Eu atendo todos que vêm falar comigo, indistintamente. Nunca devemos subestimar pessoas porque podemos nos surpreender. Já vi pessoas pequenas crescerem profissionalmente, se projetarem, como presenciei grandes estruturas quebrarem. Fazemos questão de trabalhar a crença limitada das pessoas”, conclui.

Serviços

“Florida Christian University”

Endereço: 5950 Lakehurst Dr #101, Orlando, FL 32819

Telefone: 407-896-0101

E-mail – www.floridachristianuniversity.edu

“Excellence Assisted Living Facility”

Endereço: 2250 S Semoran Blvd, Orlando, FL 32822

Telefone: 407-930-9291


WaltherAlvarenga

Walther Alvarenga