Governador do Texas quer impedir que criança imigrante tenha educação gratuita 

A decisão do governador Greg Abbott em proibir crianças indocumentadas de ter ensino gratuito gera críticas

A decisão se refere às crianças indocumentadas do Texas, segundo declarações do governador Greg Abbott, que tenta impedir que tenham acesso a educação gratuita. As declarações vêm gerando criticas

Da Redação 

As declarações contundentes do governador do Texas, Greg Abbott, de impedir que crianças indocumentadas – filhos de imigrantes no estado – tenham acesso gratuito à educação, gerou críticas. “Vamos rever este caso e tomar medidas cabíveis porque são tempos diferentes de quando a sentença foi pronunciada por várias décadas”, disse em entrevista em uma emissora de rádio conservadora do Texas. 

______continua após a publicidade_______

seguro

Com esta frase, o governador deixa claro à possibilidade de desafiar “Plyler vs. Doe”, que estabelece que qualquer criança pode receber educação nos EUA, independentemente de sua situação imigratória. 

Em 1982, o Supremo Tribunal de Justiça decidiu que nenhum distrito escolar poderia reter o financiamento estatal para a educação de crianças indocumentadas. 

Abbott, no entanto, se pronunciou em entrevista a uma rádio conservadora, após ser questionado pelo comentarista sobre o que mais poderia ser feito para diminuir a carga tributária do Estado para a educação de menores sem personalidade jurídica no país. 

O governador declarou que o Texas já havia entrado na “Suprema Corte” e perdeu o caso. Abbott tem sido um forte crítico das políticas de imigração do governo Biden, que o acusou de abandonar os estados fronteiriços à sua mercê diante da imigração em massa de pessoas ao longo da fronteira sul do país. 

Estatística estudantil

De acordo com estatísticas da Agência de Educação do Texas (TEA), o estado tem uma população estudantil de quase 5,5 milhões de estudantes. 60,2% (ou mais de 3,3 mil) estão no grupo de famílias com problemas econômicos, segundo os pais estabelecidos em nível estadual.  Dois 5,5 mil pessoas, 52,8% hispânicos (mais de 3 mil), 27% anglo-saxões (cerca de 1,5 mil), 12,6% afro-americanos (693 mil) e 4,6% asiáticos (253 mil), segundo dado do TEA. Da mesma forma, 20,3% de todas as crianças matriculadas nas escolas do Texas (mais de 1,1 milhão) estão em programas de aprendizado de inglês. 



____________________publicidade___________________

seguro

tarot

anuncie