Brasil deixa Olimpíadas de Tóquio com bom quadro de medalhas: 7 ouros e 7 pratas 

Seleção Brasileira de Vôlei Feminino perde para os EUA e fica com a medalha de prata

 

O Brasil teve conquista privilegiada no seu quadro de medalhas nos Jogos Olímpicos do Japão: sete ouros, seis pratas e oito bronzes (21 medalhas no total), ocupando o 12º posto nas Olimpíadas, subindo uma colocação em relação à Rio 2016

 

Da Redação

Foi uma participação de destaque do Brasil nas Olimpíadas de Tóquio neste domingo com uma conquista privilegiada no seu quadro de medalhas: sete ouros, seis pratas e oito bronzes (21 medalhas no total), ocupando o 12º posto nos Jogos Olímpicos dos Japão, subindo uma colocação em relação à Rio 2016.

Foi uma conquista de 21 pódios, um recorde, superando a marca de 19 da Rio 2016. Como anfitrião, o país conquistou sete ouros, mesmo número de títulos faturados em Tóquio.

No vôlei feminino, neste domingo, o Brasil não conseguiu fazer frente aos EUA na Arena Ariake. A seleção de José Roberto Guimarães foi dominada durante todo o jogo e perdeu em 3 sets a 0, parciais 25/21, 25/20 e 25/14. Na queda seca, ficou com a medalha de prata como prêmio de consolação.

No boxe feminino, a brasileira Beatriz Ferreira, campeã mundial de 2019, perdeu, neste domingo, para a irlandesa Kellie Harrington, ouro no Mundial de 2018, por decisão unânime dos juízes e conquistou a medalha de prata nas Olimpíadas de Tóquio na categoria até 60kg do boxe.