Atirador invade supermercado em Búfalo mata 10 pessoas e deixa 3 feridos

Policiais de Búfalo se mobilizaram na captura do atirador, que se entregou após matar pelo menos 10 pessoas

O atirador é jovem e branco, segundo testemunhas, e o local é predominantemente negro. Ele foi preso e os investigadores acreditam que o tiroteio no supermercado aconteceu por motivos raciais

Da Redação

Momentos de tensão marcaram o “Tops Friendly Markets”, em Buffalo, Nova York, neste sábado, quando um atirador matou pelo menos 10 pessoas com requintes de crueldade, segundo dados das autoridades locais. Vestindo roupas em estilo militar e armadura corporal, o homem abriu fogo com um rifle contra as pessoas que faziam compras, provocando correria.

______continua após a publicidade_______

usend

O atirador é jovem e branco, segundo testemunhas, e o local é predominantemente negro – ele foi preso. Os investigadores acreditam que o tiroteio aconteceu por motivos raciais. Outra hipótese é que o atirador poderia estar transmitindo o tiroteio ao vivo, através de uma câmera afixada em seu capacete, disse um dos oficiais.

O vídeo mostrou o atirador, vestido com roupas militares, parando na frente da loja com um rifle no banco da frente e apontando o rifle para as pessoas no estacionamento ao sair do veículo e abrir fogo, disse o oficial.

Toda área do supermercado foi isolada e as pessoas feridas encaminhadas ao hospital local

Também mostra o suspeito entrando no supermercado e atirando em várias outras vítimas lá dentro, disse a autoridade. Uma das vítimas era um policial recém-aposentado que trabalhava como segurança na loja, segundo o funcionário.

O supermercado fica em um bairro predominantemente negro, a cerca de cinco quilômetros ao norte do centro de Buffalo. A área circundante é residencial, com uma loja “Family Dollar” e corpo de bombeiros próximo.

A polícia de Buffalo confirmou que o atirador estava sob custódia em um tweet, mas não identificou o suspeito. Testemunhas relataram que o atirador estava vestindo roupas de estilo militar, além do colete à prova de balas, disse um dos oficiais.

Na Casa Branca, a secretária de imprensa Karine Jean-Pierre disse que o presidente Joe Biden está recebendo atualizações regulares sobre o tiroteio e suas consequências. Biden falou sobre os crimes, lamentando o ocorrido.

____________________publicidade___________________ retaxes

seguro

seguro

anuncie