Adolescentes poderão dirigir carretas de cargas nos EUA; caminhoneiros em falta  

Com escassez de caminhoneiros programa do governo permitirá adolescentes ao volante de carretas

O governo dos EUA estuda possibilidade de que motoristas adolescentes – entre 18 e 20 anos – recebam autorização para dirigir carretas de cargas de um estado para o outro. É um programa de aprendizagem exigido pelo Congresso para ajudar a reduzir atrasos nas cadeias de suprimentos com a escassez de caminhoneiros no país

Da Redação 

Se prevalecer a decisão do governo dos EUA – assunto que vem sendo analisado pela alta cúpula –, será permitido que adolescentes conduzam caminhões de carga de um estado para outro como parte de um programa de testes. A exigência para a categoria no momento é de que os caminhoneiros que cruzam as fronteiras estaduais devem ter pelo menos 21 anos. No entanto, um programa de aprendizagem exigido pelo Congresso para ajudar a reduzir atrasos nas cadeias de suprimentos permitiria que caminhoneiros entre 18 e 20 anos dirigissem fora de seus estados de residência. 

______continua após a publicidade_______

seguro

O programa piloto, delineado na quinta-feira em uma proposta da “Administração Federal de Segurança de Portadores de Motores dos EUA (FMCSA)”, conduziria uma revisão de caminhoneiros adolescentes e descartaria aqueles com infrações de dirigir embriagado ou com multas de trânsito por causar acidentes. 

Em contrapartida, ativistas de segurança consideram o programa contrário aos dados que mostram que os motoristas mais jovens estão envolvidos em mais acidentes rodoviários. Eles dizem que é imprudente permitir que caminhoneiros adolescentes sejam responsáveis ​​por dirigir veículos que pesam até 36 toneladas e podem causar danos catastróficos se atingirem veículos mais leves. 

O Congresso ordenou a criação do programa piloto como parte de uma iniciativa de infraestrutura que se tornou lei em 15 de novembro. A medida exige que a FMCSA, que pertence à Secretaria de Transportes, inicie o programa em até 60 dias. 

Escassez de caminhões

A “Truckers Association of America”, um importante grupo comercial do setor, é a favor da medida como forma de ajudar a combater a escassez de caminhões. O grupo estima que há cerca de 80.000 caminhoneiros a menos do que o necessário para atender à demanda de frete que atingiu níveis recordes. 

O programa estabelece que motoristas de 18 a 20 anos podem cruzar as fronteiras estaduais durante os períodos de teste de 120 e 280 horas, desde que acompanhados por um motorista experiente no banco do passageiro. Os caminhões utilizados no programa devem ter sistema eletrônico de frenagem para mitigação de colisões, câmera frontal e não devem trafegar em velocidades superiores a 100 km/h. 

Após o período de teste, os adolescentes poderão dirigir sozinhos, mas as empresas precisam monitorar seu desempenho até os 21 anos. Não mais de 3.000 trainees podem participar do treinamento ao mesmo tempo. 

O programa terá duração de até três anos. A agência de segurança de veículos automotores deve apresentar um relatório ao Congresso analisando o desempenho de motoristas adolescentes na área de segurança e fazendo uma recomendação sobre se motoristas mais jovens dirigem com a mesma segurança de 21 anos ou mais ou não. 



____________________publicidade___________________

seguro

anuncie

Posted In: