Um telejornal para a bandidagem chamar de seu

Um telejornal para a bandidagem chamar de seu

Clientes e músicos (Veronica Debom, Luana Martau, Georgiana Goes, Renata Gaspar, Carol Portes, Márcio Vito, Marcius Melhem e Mauricio Rizzo) - Foto: Globo/Paulo Belote
Clientes e músicos (Veronica Debom, Luana Martau, Georgiana Goes, Renata Gaspar, Carol Portes, Márcio Vito, Marcius Melhem e Mauricio Rizzo) – Foto: Globo/Paulo Belote

A música instrumental toma conta do ambiente. As roupas de época, os lustres do salão e toda opulência e tradicionalismo do século XIX dominam o espaço. Poderia ser apenas um filme clássico, mas é um dos comerciais da programação de ‘Tá no Ar: a TV na TV’. O programa apresenta a propaganda de Brahms, a cerveja para quem é erudito.

Ao sintonizar em outro canal, é hora de ‘Cidade Inversa’. O jornal, apresentado por Solange (Renata Gaspar), é a voz dos bandidos de plantão. Entre as pautas do dia, a denúncia de um buraco em uma via que acaba interferindo em mais um dia de trabalho desonesto. “A gente tá com nosso trabalho prejudicado porque toda vez que a gente vai ao banco, pega o dinheiro e faz uns reféns, quando vai fugir tem que passar nomeio desse buracão aí. Resultado: pneu fura, a gente larga tudo, ou é preso, quer dizer: assim fica difícil”, relata Robson (Marcius Melhem), um dos entrevistados.

Tá no Ar: a TV na TV’ é escrito por Alexandre Pimenta, Angélica Lopes, Daniela Ocampo, Leonardo Lanna, Marcelo Adnet, Marcius Melhem, Maurício Rizzo, Thiago Gadelha e Wagner Pinto e tem redação final de Marcelo Adnet e Marcius Melhem. A direção geral é de Mauricio Farias.

O seriado vai ao ar no canal internacional da Globo na terça-feira, 9 de fevereiro, nas Américas, dia 10, no Japão e Austrália, e terça-feira, dia 16, na Europa e África.