Nascer nos EUA mas ser visto como imigrante

Nascer nos EUA mas ser visto como imigrante

Todos os anos milhares de jovens imigrantes, que foram criados nos Estados Unidos, deparam-se com um futuro comprometido depois acabarem a escolaridade básica. O vídeo mostra alguns casos de jovens que não podem ter emprego, entrar na universidade ou, sequer, tirar a carta de condução.

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Os Estados Unidos são o destino de milhares de imigrantes que todos os anos fogem dos países de origem para escapar à pobreza ou a ambientes sociais e políticos mais extremos.

O problema é que quando trazem filhos com eles, a situação desses jovens torna-se, com o tempo, muito complicada.

São criados e educados nos Estados Unidos, muitas vezes é o único país que se lembram de conhecer, mas sem número de segurança social, depois de saírem da escola, não podem entrar na universidade, não podem arranjar emprego, nem sequer tirar a carta de condução.

Segundo a Constituição norte-americana todas as pessoas a viver no país têm direito aos níveis básicos de educação mas depois dos 18 anos, não se pode fazer (quase) nada sem estar inscrito na segurança social. É como se não existissem.

O vídeo, publicado pelo ‘illegalmovieproject’ no YouTube, é uma chamada de atenção para os casos de muitos desses jovens, alguns com percursos escolares brilhantes mas cujo passado lhes cortas as pernas, deixando-os sem alternativa e à mercê da deportação.

Fonte: noticiasaominuto.com