Irmãos Taylor, com Corvette DP, levam a vitória na categoria Prototype na Ilha de Belle em Detroit

Irmãos Taylor, com Corvette DP, levam a vitória na categoria Prototype na Ilha de Belle em Detroit

unnamedNo dia 31 de maio, Ricky e Jordan Taylor correram e conquistaram a vitória na categoria Prototype (P) e no geral, a terceira consecutiva de Jordan no circuito, no Chevrolet Sports Car Classic apresentado por Metro Detroit Chevy Dealers, um resultado que não foi de forma alguma surpreendente, afinal, os irmãos estavam com pressa.

Após vencerem a quinta corrida da temporada do TUDOR United SportsCar Championship, os irmãos Taylor foram para o aeroporto e viajaram para Paris, na França, rumo ao Circuito de Le Mans, onde eram esperados para disputar os treinos, neste domingo (1), das tradicionais 24h de Le Mans.

Ricky Taylor levou o Konica Minolta Corvette DP número dez para casa, apenas 0.207 segundos à frente de Richard Westbrook, que havia largado da primeira posição com o Spirit of Daytona Racing Corvette DP número 90 dividindo a pilotagem do seu carro com Michael Valiante. Olivier Pla chegou em terceiro com o OAK Racing Morgan/Nissan número 42 após substituir Gustavo Yacaman.

O que estava parecendo se tornar uma corrida de rotina até a bandeirada final para Ricky Taylor rapidamente mudou nos últimos minutos da corrida com uma hora e 40 minutos de duração no traçado de 2.36 milhas na ilha de Belle, em Detroit. Depois de uma bandeira amarela de 23 minutos para reparar a proteção de pneus da curva 12, faltavam 27 minutos para o final. Naquele momento os irmãos lideravam já há 48 minutos.

Ricky estava na frente, mas logo começou a ser pressionado por Barbosa que diminuía a vantagem a cada volta. Taylor entrou na última volta em primeiro, mas foi superado em uma manobra ousada na curva três de Barbosa, empurrando Ricky para o muro. Momentos depois, o pneu traseiro esquerdo do carro de Barbosa furou e o piloto acabou rodando, e Ricky que vinha logo atrás passou e venceu a prova. Da bandeira quadriculada para Le Mans.

“Quando ele nos jogou no muro a única coisa que pensei era se ele teria um pneu furado ou se o meu carro quebraria por causa da forte batida”, disse Ricky Taylor. “Naquelas duas últimas voltas foi realmente apertado”, completou o piloto que irá competir na categoria LMP2 em Le Mans, enquanto Jordan Taylor e Westbrook pilotarão um Corvette na LM GTE Pro.

“Richard e eu fizemos esta viagem entre Detroit e a França outras vezes juntos e foi um desastre”, comentou Jordan. “Eu espero que desta vez com mais planejamento tenhamos menos estresse. Eu acho que tiramos uns cinco anos da vida de Richard da última vez já que foi uma noite complicada de viagem. Esperamos entrar no carro em Le Mans por algumas horas, foi um longo fim de semana, mas nós somos pilotos de corrida e amamos fazer isso, então vale a pena”, encerra Jordan Taylor.