A história incrível de Joel Souza, pedreiro que virou estilista

A história incrível de Joel Souza, pedreiro que virou estilista

Joel Souza transforma lacre e fundo de latinha de cerveja e refrigerante em obras de arte – vestidos, saias, blusas e macacões. Suas “roupas” e acessórios encantam as mulheres pela criatividade e originalidade

Edição de outubro/2017 – pág. 18

A história incrível de Joel Souza, pedreiro que virou estilista

Os vestidos, saias, blusas e macacões confeccionados pelo estilista e designer de peças de materiais recicláveis, Joel Souza, encantam as mulheres. Um trabalho exímio do ex-pedreiro que transforma lacre e fundo de latinha de cerveja e refrigerante em obras de arte, hoje expostas em vários países. A sua criação é uma referência ao bom gosto e criatividade, que se estendem para bijuterias – colares e brincos –, além de boinas, bolsas e objetos de decoração.

Ele deixou as ruas de Salvador, na Bahia, para percorrer países com seu trabalho, que não utiliza de tecidos, e que já vestiu personalidades como a cantora baiana Mariene de Castro – ícone na região. Com um martelo, pregos e aro, Joel Souza é capaz de criar manualmente vestidos longos e peças incríveis, empregando até 2.600 lacres para montar um longo, por exemplo.

Maquiagem por Patricia Carvalho do Patti Salon e biquines da Andreia Rotta
Maquiagem por Patricia Carvalho do Patti Salon e biquines da Andreia Rotta

“Não preciso de desenho – molde –, para montar os meus vestidos. Eles são elaborados e adaptados ao corpo da cliente, mesmo que ela seja obesa. O material utilizado é reciclável e não agride o meio ambiente. Os modelos são criados na hora e disponibilizados para a venda”, informa o estilista.

Recebendo elogios das clientes e despertando a atenção dos consumidores, os trabalhos de Joel Souza foram para a passarela em Salvador, quando realizou desfile com o Grupo Olodum, na Faculdade Estadual de Salvador.

“O meu desfile tinha doze peças, incluindo vestidos, saia, blusas, colares e boinas”, lembra. “Depois fui convidado para realizar um desfile no Senac”.

Em 2005, o estilista recebeu um prêmio em São Paulo, no evento da TIM – Companhia telefônica –, posteriormente entrevistado pelo “Jornal Hoje” e no programa da Ana Maria Braga – “Mais Você” –, na Globo, e seu nome ficou conhecido nacionalmente. Também esteve no SBT – “Programa do Ratinho” –, e fez exposição de seus trabalhos no Rio Grande do Sul.

Entrevista para o Japão e França

Durante evento da “WWS”, no Rio de Janeiro, Joel Souza chamou a atenção de produtores japoneses e franceses com o seu trabalho refinado, sendo entrevistado pela TV Japonesa. Ele também concedeu entrevista à TV francesa, internacionalizando o seu nome.

No “Brazilian Day Festival Orlando”, realizado no dia 1º de outubro, em Orlando, Joel Souza realizou desfile com roupas de material reciclável, também expondo seus produtos, que agradaram. O convite foi do coreografo Caio Castro, diretor artístico do “Brazilian Day Festival Orlando”, que o trouxe para os EUA através do “Projeto Eco-Lution”, que exalta artistas e eventos ecológicos.

Realizando o seu trabalho como estilista e designer de peças em materiais recicláveis há 17 anos, conta Joel Souza que a ideia surgiu em Salvador, quando ainda trabalhava como pedreiro. “A minha irmã Joselha foi quem me falou da sua intenção de fazer uma blusa com lacres de latinha de refrigerante. Mas ela nunca tinha tempo para colocar a sua ideia em prática”, enfatiza.

O então pedreiro resolveu arregaças as mangas e trabalhar na ideia da irmã. Conseguiu vários lacres e comprou o material que precisava para confeccionar uma blusa e saia: martelo, aro e preguinhos. Levou cinco dias para terminar sua engenhosa operação, dando o primeiro passo para um importante empreendimento.

“Eu fui até o Pelourinho e coloquei os meus trabalhos em um banco da praça. Apenas duas peças, blusa e saia”, recorda o estilista.

Desfile - Direção Artística: Caio Castro - Designer: Joel Souza - Modelos: Marjorie Andrade, Gabriela Pimentel, Gabriela Pinto, Mellanie Ortiz, Ana Rodrigues, Stephanie Rosa, Victória Duran, Maria Eduarda Hadba, Rose e Jessica
Desfile – Direção Artística: Caio Castro – Designer: Joel Souza – Modelos: Marjorie Andrade, Gabriela Pimentel, Gabriela Pinto, Mellanie Ortiz, Ana Rodrigues, Stephanie Rosa, Victória Duran, Maria Eduarda Hadba, Rose e Jessica

As pessoas que passavam pelo local paravam admiradas para observar o trabalho do pedreiro. Foi quando ele teve grande desafio: fazer saias e blusas para as componentes de uma Orquestra de Mulheres de Salvador. Teria que confeccionar blusas e saias longas de material reciclável.

“O pedido foi feito por Thelma Sheise, diretora da orquestra, e pela coreografa Emília Biancardi, que viram o meu trabalho e gostaram muito”, diz o estilista. “Acabei confeccionando 36 peças para a orquestra e foi um sucesso”, comemora.

Quanto a irmã Joselha, que teve a grande ideia, mas não a executou, disse Joel Souza que hoje ela se sente orgulhosa pelo trabalho do irmão, que ampliou e diversificou a sua coleção, que dispõe de vestidos, vestidos longos, saias, macacão, bermuda, boinas, bolsas, colares e pulseiras, entre outros acessórios.

O estilista fala de seu projeto ainda este ano nos EUA que inclui exposições na Flórida. Ele é casado com Maria Conceição e tem dois filhos: Cleisou Souza e Cinara Rios.

Fotos Jaqueline Andrade