Arremessador brasileiro assina com “Seattle Mariners”

Arremessador brasileiro assina com “Seattle Mariners”

Edição de maio/2017 – pág. 12

Tem brasileiro no beisebol. Cristian Pedrol, de 17 anos, acaba de assinar contrato com a equipe profissional do “Seattle Mariners”, que integra a Major League Baseball. Com isso, o jovem será o oitavo brasileiro a defender a instituição de Seattle, que já teve Pedro Okuda, Felipe Burin, Felipe Talos e Jean Tomé, que atualmente não atuam mais como profissionais. Ele se apresenta na filial do “Seattle Mariners”, na República Dominicana onde disputará a “Liga de Verão” do país, que faz parte das ligas menores como são conhecidas as categorias de acesso à “Major League Baseball”.

Vale ressaltar que Pedrol, assim como Eric Pardinho, faz parte da “Academia MLB Brasil”, principal programa de beisebol amador, no “CT Yakult”, localizado em Ibiúna (SP). A iniciativa, pioneira no país é uma parceria entre a Liga americana e a “Confederação Brasileira de Beisebol” e “Sóftbol (CBBS)” para o desenvolvimento e ampliação do esporte, que retorna ao quadro olímpico em “Tokyo 2020”.

Com a contratação de Cristian Pedrol, o Brasil passa a ter 12 atletas com contratos ativos com franquias da “MLB”, com destaque para Paulo Orlando (Kansas City Royals), Yan Gomes (Cleveland Indians) e André Rienzo (San Diego Padres). O projeto oferece a 32 atletas, com idades entre 13 e 17 anos, bolsas de estudos, treinos, alimentação e alojamento no centro de treinamento da Seleção Brasileira numa parceria entre “CBBS” e “MLB”.  A Academia conta com três técnicos estrangeiros da MLB: o panamenho Enrique Burgos (ex-jogador de ligas menores e da MLB), o venezuelano Emilio Acosta que até o ano passado era treinador da filial do New York Yankees na República Dominicana e o dominicano Eduardo de Leon, instrutor do programa de desenvolvimento de técnicos da MLB.